ARTIGOS

HOME > ARTIGOS



HOME > ARTIGOS




ARTIGO


Fantasia e cinzas

Publicada em: 08/03/2005



Passava das sete da manhã de quarta-feira quando o velho Clube dos Diários começara a regurgitar a parte perseverante da multidão que engolira ao longo da noite e madrugada, no último dia de carnaval. À frente ia a bandinha tocando antigas marchas, com predomínio, claro, dos instrumentos de sopro e do tarol que, por serem portáteis, podiam ser condizidos pelos seus músicos. E aquela estranha, alegre e cansada procissão se dirigis à Praça Pedro II no ponto exatamente em frente ao Theatro 4 de Setembro.

Com os suores exalando o cheiro uniforme do lança-perfume, fantasias manchadas e úmidas, e maquiagens borradas, as colombinas, camponesas européias, fadas e coelhinhas (essas últimas com o indefectível rabinho de pom-pom aplicado à bunda), evoluíam com seus caubóis e piratas, ao som de pastorinhas e outras pérolas dos carnavais, ainda não violentadas pelo tsunami baiano. De repente os acordes de um frevo fustigavam o aflorar das derradeiras energias, sob a censura do sol forte, que já invadira a praça, com sua iluminação inconveniente, exigindo a dispersão dos foliões renitentes.

O gosto amargo da quarta-feira, anunciava também o crepúsculo de muitos namoros relâmpagos, nascidos na folia. E os últimos beijos eram trocados com os corpos juntinhos e mãos buliçosas de jovens casais que, fora do carnaval não seriam capazes de se permitir tamanha intimidade em público.

Com toda crueldade, a quarta-feira desabava sobre nós e a legião de guerreiros estafados voltava, enfim, para suas casas, com a sensação forte de que a felicidade era mesmo uma ilusão.

Eu contava então dezesseis anos de idade, e dali a poucos dias deixaria minha Teresina, rumo ao ganho de conhecimento e à perda irreversível das fantasias adolescentes.

 

Por Poncion Rodrigues

        médico

 

Fonte: Jornal Diário do Povo (Teresina-PI)


 



Comentários (0)

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.







Destaques: